19 de set de 2012

Pulmão de Aço, livro de Eliana Zagui

uma vida no maior hospital do Brasil



Li este livro, de quase 300 páginas, em quatro horas corridas. 
Impressionante a força, a beleza e a alegria de Eliana Zagui, vítima da poliomielite, "moradora" do Hospital das Clínicas há quase 40 anos. Fiquei emocionada com a leitura e recomendo muitíssimo, principalmente, aos profissionais da área de saúde. 


Informações: Belaletra Editora

2 comentários:

Ari Colatti disse...

Eliana e o Paulo Roberto são lindos ! Eu tb tive Polio e minha primeira cirurgia ainda criança foi nas Clinicas..nem todos sobreviveram da epidemia de polio..Ana Botafogo esta ai,outros tiveram sequelas..usam cadeira de rodas,muletas, bengalas ou vivem tropeçando que eu neste pais que nos esqueçe..menos na hora dos impostos.
Hoje nos Sobreviventes lutamos por um tratamento para a Sindrome Pós-Polio.
Nada sobre nós sem nós !Nós ainda estamos aqui !

C. Fiuza disse...

Ari querido, conheço sua realidade e concordo quando diz que não basta ser sobrevivente, é preciso lutar. O caso da Eliana poderia ter sido evitado: se não fosse a ignorância da equipe médida da época, que não queria vaciná-la devido uma infecção na garganta, provavelmente ela teria sido imunizada. É revoltante... Mas, como vc lembrou bem, Eliana (e o Paulo) são lindos. Está aí este belo livro para mostrar que a batalha é constante.

Postar um comentário